h1

Sistema flex fuel é a nova alternativa para a aviação geral

15 de março de 2010

CTA

15/03/2010

Sistema flex fuel é a nova alternativa para a aviação geral

http://www.cta.br/

A Divisão de Propulsão Aeronáutica (APA) do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) e a empresa Magneti Marelli Sistemas Automotivos, precursora do sistema flex fuel no mercado automobilístico brasileiro, oferecem uma nova aplicação à Aviação Geral no Brasil.

É o sistema flex fuel aeronáutico, que permitirá às aeronaves propulsadas por motor a pistão utilizar gasolina de aviação (avgas), álcool combustível (etanol) ou até mesmo qualquer mistura dos dois combustíveis.

A tecnologia será implantada em um motor de fabricação americana, o Lycoming 0-360 A1D, com potência nominal de 180 HP e, os ensaios em voo, realizados em uma aeronave AeroBoero 180, rebocador de planadores, pertencente ao Clube de Voo a Vela CTA (CVV-CTA). A previsão é de que os ensaios sejam iniciados em 2010.

“O projeto nasceu após alguns encontros que tivemos com o DCTA, quando fomos informados de que os custos operacionais dos aviões de pequeno porte da Aviação Geral eram extremamente altos devido ao elevado preço da avgas, chegando a se prever, em um futuro não muito distante, a inviabilização da mesma”, afirma o gerente comercial da empresa Magneti Marelli, Eduardo Campos.

No desenvolvimento do motor aeronáutico flex, dispositivos rudimentares dos motores convencionais, como carburador e magnetos, são substituídos por um novo sistema eletrônico de injeção de combustível e de ignição. “Conseguimos funcionar o futuro motor flex com o sistema de injeção eletrônica Marelli no lugar do carburador, com avgas, de maneira autônoma”, informa o gerente do projeto e chefe da subdivisão de Motor a Pistão da APA, Paulo Ewald.

“O mais importante será o sistema de gerenciamento eletrônico do motor, que permitirá ao mesmo funcionar com mais eficiência, e dará ao usuário a possibilidade de escolher o combustível, dependendo se ele quer desempenho, economia ou autonomia”, explica Ewald.

O esforço conjugado dos dois setores nacionais resulta no Sistema de Injeção SFS Flex-Fuel aeronáutico e representa a união de duas tradições tecnológicas no país. A APA realizou um trabalho pioneiro no Brasil e no mundo, nos idos de 1970 (quando denominada Departamento de Motores, no então Centro Técnico Aeroespacial CTA/PMO), comprovando o uso eficiente do álcool como combustível, enquanto a Marelli é precursora do sistema flex fuel desde 2003.

O engenheiro do IAE informa, ainda, que os próximos passos para o desenvolvimento do novo sistema serão o refinamento do débito de combustível e a inserção da ignição eletrônica em substituição aos magnetos. Segundo Campos, a Marelli está com a primeira versão do sistema, tanto de hardware, quanto de software, já concluída e montada no motor.

O gerente da Magneti Marelli explica que a empresa atua no desenvolvimento e na aplicação do SFS® nos motores aeronáuticos, ficando responsável pela certificação do sistema em si. A certificação da aplicação do sistema no motor e na aeronave seria feita por alguma empresa interessada, ligada ao setor aeronáutico. “Seria bom se tivéssemos uma empresa como a Embraer utilizando este sistema”, afirma Ewald.

“Assim como o Brasil foi pioneiro no lançamento do flex com a utilização do etanol em larga escala, contribuindo para uma independência energética e redução das emissões dos veículos automotores, tornando-se referência mundial, esperamos que o mesmo ocorra com o setor aeronáutico”, enfatiza Eduardo Campos.

http://www.cta.br/noticias/estrutura.php?id=92

One comment

  1. […] Acesso:  Geopolítica do Petróleo […]



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: